Khadija Cresceu e Está na Capa da VIP de Julho

Lembra da Maria de “Chiquititas”? E da Khadija em “O Clone”?

khadija

Agora ela tem 20 anos de idade e está um mulherão!

A atriz posou para a capa da revista VIP de julho!

khadija1

Bastam alguns minutos de conversa com Carla Diaz para notar que a atriz deixou para trás faz tempo a pré-adolescente que interpretou a filha de Jade (Giovanna Antonelli) em “O Clone”. “Tinha dez anos quando fiz a novela. Mudei completamente! Não sou mais aquela menininha que fez a Khadija”, garante Carla.

khadija6

Em 10 anos, sua altura não mudou muito – ela mede 1,53 m – mas Carla fala em crescimento profissional. Moradora do Rio, ela cursa o quarto período de cinema na universidade Estácio de Sá. “De 2001 para cá, saí da escola, fiz sete peças de teatro, comecei a estudar cinema”, enumera ela, que estreou no teatro na época da novela de Glória Perez. “Minha primeira peça foi ‘O Rapto das Cebolinhas’, da Maria Clara Machado, exatamente quando fazia a Khadija”, lembra.

Mas não foi só na carreira que surgiram coisas novas para Carla. Ela também sofreu mudanças na vida pessoal. “Como comecei a fazer TV muito cedo – aos dois anos de idade – muita gente ainda me tem na cabeça como criança e se espanta quando me vê hoje em dia”, conta ela, que namora há um ano e quatro meses o designer Patrick Clark, de 21 anos. “Na época de Khadija, ainda nem tinha dado meu primeiro beijo. Ele só aconteceu quando fiz 12 anos”, recorda.

khadija3

Embora tenham se passado dez anos de “O Clone”, a atriz diz que até hoje as pessoas ainda a abordam na rua como Khadija. “Muita gente pede para eu falar o bordão da personagem, ‘Insh’Allah’. Isso é muito gratificante. Principalmente porque ela foi o primeiro papel que tive que estudar para fazer”, afirma.

Para Carla, a novela de Glória Perez não só foi um divisor de águas na sua carreira como a tornou conhecida pelo público. “A Khadija me levou literalmente para o mundo, já que a novela foi vendida para vários países”, afirma. A atriz lembra que, assim que “O Clone” acabou no Brasil, ela viajou para os Estados Unidos, para o Uruguai e para a Rússia. “E as pessoas me reconheciam em todos esses países. Me espantei. Porque as pessoas te reconhecerem em outro país é muito louco, apesar de também ser uma honra”, conta.

Carla Diaz está hoje em “Rebelde”, da Record, e quer mostrar que cresceu. Alguém tem dúvida depois de ver tudo isso?

khadija2

khadija5

khadija4

Fonte: Uol

About

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *